25 de junho de 2007

O Abraço


Às minhas virtuais amigas, espalhadas pelo mundo. Pela omnipresença! Pelo apoio!


Há muito que precisava de recordar, uma parte importante da minha vida.
Tentei e tentarei, transportar cada momento, para este palco, onde ninguém conhece ninguém.
É um pouco como desinfectar a alma com lágrimas derramadas.
Faz bem ao ego e alimenta o espírito.
Agora que revivi a Chantal, penitencio-me pelos pensamentos diabólicos que tenho das mulheres, mas na verdade elas são o suporte que nem só os homens fracos precisam.
Mulher! Essa força da natureza, maior que o homem, em tudo. Até no ódio.
Não fora eu Balzaquiano e estaria ainda a tentar perceber porquê.

A minha homenagem às mulheres de todo o mundo!

O meu ABRAÇO.



7 comentários:

carla mar disse...

ora aí está uma coisa que vale mesmo a pena celebrar... as MULHERES!
todos juntos navegamos e navegaremos. SEMPRE!
porque os laços, quando nasçem... podem ser para sempre!
obrigada pela partilha.
deixo-te, um beijinho iluminado, embrulhado num abraço virtual :)

Anónimo disse...

Agradeço que saibas dar o devido valor a esta coisa insignificante mas com muito significado que é a mulher,nem todos abrem o coração como tu,na realidade deves de ser único é por isso que tantas te querem,acho que tenho que ir para a fila,pode ser que lá para os 80 chegue a minha vez,mais vale tarde do que nunca.Obrigada por me fazeres escrever,pois sou a pessoa mais preguiçosa do mundo Maria

Anónimo disse...

KIM!

Um abraço mesmo que virtual é maravilhoso.

Obrigada!

Spuk

cristina disse...

Obrigada, Quim!
Grande abraço de Belgica, amigo!

O Bicho disse...

Também eu, quero deixar aqui um agradecimento em nome do meu CROMOSSOMA (X ou Y, já não me lembro) FEMININO.

Anónimo disse...

Regresso de férias e recebo um abraço...É bom, sabe bem..

Admiro a Chantal e admiro as capacidades de a aprender.

Contudo, na minha opinião a sedução, o romance e as borboletas tem muito mais encanto...


I.R.

Anónimo disse...

Digo "Borboletas na barriga" ansiedade do encontro.

I.R.