27 de janeiro de 2009

Triângulo das Bermudas


Há uma vintena de anos atrás eu era um leitor atento de acontecimentos enigmáticos e paranormais.
Depois, não que me fartasse do tema, transportava para o meu quotidiano toda aquela amálgama de “estórias” e relatos que me faziam viajar no tempo.
A Atlântida era o meu tema preferido. Dela me lembro todas as vezes que atravesso o Atlântico e já foram muitas.
Dizem os livros que eu leio, que os Açores são os Picos da Atlântida que terá perecido há cerca de dez mil anos.
Eu acredito que aqui mesmo à nossa frente, existe o espírito duma civilização surpreendente que ultrapassa as raias do imaginário.
Encostado à janela do Airbus, fixo o olhar no fim dos nove mil metros que separam o abismo da passarola voadora e penso na veracidade do Triângulo das Bermudas, nos desaparecimentos misteriosos de barcos, aviões, gentes e seus quejandos. Depois, olho os céus sem fim e sinto no rosto um sopro protector de esperança no meu dia que não vai chegar ainda.
Condições meteorológicas adversas e o carácter imprevisível do ser humano ultrapassam as narrativas mais ambiciosas de ficção cientifica – disse alguém um dia!
Atlântida e Bermudas, fora e dentro dum triângulo
!

17 comentários:

Parisiense disse...

Essas historias tambem me fascinam.

E acho que para tudo á uma explicação, mesmo se não a conhecemos por completo.

Beijokitas meu anjo.

Anónimo disse...

Kim:
Despertaste em mim, duas coisas que já foram uma obseção para a minha cabeça povoada delas. Triângulo das Bermudas (Triângulo do Dragão, ou Mar do Diabo), Atlantida, aquela de quem até Julio Verne já falou, no livro "Vinte mil léguas submarinas".
Estive mesmo agora, a ver na Wikipédia, aquilo que é conhecido e mais ou menos provado. Da Atlantida também fala, pondo a hipotese de os Açores, Madeira, Canárias e Cabo Verde, serem o que dela resta.
Vou voltar a pesquisar. Mas sejam quais forem as conclusões lógicas e provadas a que os cientistas chegaram, vou continuar a sonhar com esses lugares fantásticos e misteriosos que me deram há muitos anos, tema para muitos sonhos.
Beijo
Maria dos Alcatruzes

Je Vois la Vie en Vert disse...

A mim não me fascinam, assustam-me...

Beijinhos verdinhos

Zabour disse...

Qd era pequena ficava encantada com os filmes sobre histórias de desaparecimentos misteriosos no Triângulo das Bermudas. Agora, mais velhita, mas não mt ;O),já tentei encontrar um solução lógica para tantas questões sem resposta, mas para dizer a verdade, não consigo imaginar a solução para tanto enigma.

Beijinhos

Osvaldo disse...

Caro Kim;

Gostaria imenso de visitar... O Reino da Atlântida, mas até agora não passei da Avenida Atlântica em Copacabana...
Quem sabe um dia ?!...
Se isso acontecer, depois mando-te noticias!!!
Um abraço

Je Vois la Vie en Vert disse...

Osvaldo, estás proíbido de lá ir !
O que que fariamos se o "nosso" Osvaldo desaparecesse no triângulo ?????

Beijinhos verdinhos

BLOGADOR disse...

Se calhar é neste local que se situam a maioria dos "Off-shore" - onde o "dinheiro sujo" desaparece. :)

Kim disse...

Exactamente Rui!
É neste local que desaparece o dinheiro sujo. Está tudo relacionado.

carla mar disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

"Quarenta milhões de pessoas podem engrossar este ano o número de desempregados no mundo, se a situação económica se continuar a deteriorar, prevê a Organização Internacional do Trabalho (OIT), num relatório hoje divulgado.

No quadro mais grave, o número de desempregados subiria para 230 milhões, mais 40 milhões do que os 190 milhões das estimativas existentes para 2008, refere o relatório anual da organização sobre tendências do mercado de trabalho."
(Público hoje)
Os milhões não vão ficar por aqui, irão subir muito mais, e não é pessimismo é realismo.
Fazer desaparecer esta gente num qualquer triângulo das barbudas não me parece viável.
Será que vão inventar alguma nova guerra?
A burguesia não tem soluções rápidas e também está a ficar preocupada porque não consegue ver-se livre deste excedente de mercadoria.
Será que os milhões de miseráveis vão inventar uma nova revolução?

xl

Kim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kim disse...

Meu Querido XL.
Agora fiquei francamente preocupado porque me lembrei que o Triângulo, além de fazer desaparecer a burguesia, também faz desaparecer o proletariado revolucionário.
E eu não te queria perder!
(esta foi reaccionária, não foi?)

Kim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
carla mar disse...

A tragédia social em todo o mundo pode estar à vista.
... o planeta pode assistir a convulsões sociais de extrema gravidade :(

carla mar disse...

Kim, aqui está (outra vez!) o meu 1º comentário:


um XI-coração, para ti (KIM)!
e uma beijokinha boa e doce, para o XL :)

Vieira Calado disse...

Hum!

Há quanto tempo não acontece nada, por lá?

É um pouco como os discos voadores.

Tiveram o seu tempo.

Um abraço.

Anónimo disse...

Todos nós temos o "nosso Triângulo das Bermudas"...ou pensam que ficam cá?
Nascer - Viver - Morrer.
Tão simples como um Guronsan matinal.
Eu quero é pasteis de nata :)
jc/.