20 de março de 2009

Parabéns XL - este é o teu fado

.

Francisco Luis Rosa – XL! Parabéns amigo!
Não és tu que envelheces, são os anos que te amadurecem.
Hoje dia do teu aniversário, aqui te deixo o outro tu que és, quando estás com os amigos.
Desculpa amigo, mas preciso de te mostrar ao mundo.

Para quem o não conhece, registo aqui que este vídeo foi feito num jantar de amigos, sem qualquer preparação e não propositadamente para o efeito.
Parabéns meu velho jovem, a léguas da decrepitude! Este é o teu fado!
Feliz aniversário!

22 comentários:

Anónimo disse...

PARABÉNS XL.

JÁ O CONHEÇO DE TE OUVIR EM OUTRAS OPORTUNIDADES, QUEM SABE UM DIA CHEGAREI A OUVI-LO PESSOALMENTE.

SAÚDE E PAZ

SPUK

Anónimo disse...

GRANDE XICO.
UM ABRAÇO DOS MAIORES!
FALAMOS MAIS LOGO.
JULIO/.

Anónimo disse...

--------------------------------------------------------------------------------

João Villaret : Fado falado
Letra e música: Aníbal Nazaré; Nelson de Barros
Victor Almeida
--------------------------------------------------------------------------------

Fado Triste
Fado negro das vielas
Onde a noite quando passa
Leva mais tempo a passar
Ouve-se a voz
Voz inspirada de uma raça
Que mundo em fora nos levou
Pelo azul do mar
Se o fado se canta e chora
Também se pode falar

Mãos doloridas na guitarra
que desgarra dor bizarra
Mãos insofridas, mãos plangentes
Mãos frementes e impacientes
Mãos desoladas e sombrias
Desgraçadas, doentias
Quando à traição, ciume e morte
E um coração a bater forte

Uma história bem singela
Bairro antigo, uma viela
Um marinheiro gingão
E a Emília cigarreira
Que ainda tinha mais virtude
Que a própria Rosa Maria
Em dia de procissão
Da Senhora da Saúde

Os beijos que ele lhe dava
Trazia-os ele de longe
Trazia-os ele do mar
Eram bravios e salgados
E ao regressar à tardinha
O mulherio tagarela
De todo o bairro de Alfama
Cochichava em segredinho
Que os sapatos dele e dela
Dormiam muito juntinhos
Debaixo da mesma cama

Pela janela da Emília
Entrava a lua
E a guitarra
À esquina de uma rua gemia,
Dolente a soluçar.
E lá em casa:

Mãos amorosas na guitarra
Que desgarra dor bizarra
Mãos frementes de desejo
Impacientes como um beijo
Mãos de fado, de pecado
A guitarra a afagar
Como um corpo de mulher
Para o despir e para o beijar

Mas um dia,
Mas um dia santo Deus, ele não veio
Ela espera olhando a lua, meu Deus
Que sofrer aquele
O luar bate nas casas
O luar bate na rua
Mas não marca a sombra dele
Procurou como doida
E ao voltar da esquina
Viu ele acompanhado
Com outra ao lado, de braço dado
Gingão, feliz, levião
Um ar fadista e bizarro
Um cravo atrás da orelha
E preso à boca vermelha
O que resta de um cigarro
Lume e cinza na viela,
Ela vê, que homem aquele
O lume no peito dela
A cinza no olhar dele

E o ciume chegou como lume
Queimou, o seu peito a sangrar
Foi como vento que veio
Labareda atear, a fogueira aumentar
Foi a visão infernal
A imagem do mal que no bairro surgiu
Foi o amor que jurou
Que jurou e mentiu
Correm vertigens num grito
Direito ou maldito que há-de perder
Puxa a navalha, canalha
Não há quem te valha
Tu tens de morrer
Há alarido na viela
Que mulher aquela
Que paixão a sua
E cai um corpo sangrando
Nas pedras da rua

Mãos carinhosas, generosas
Que não conhecem o rancor
Mãos que o fado compreendem
e entendem sua dor
Mãos que não mentem
Quando sentem
Outras mãos para acarinhar
Mãos que brigam, que castigam
Mas que sabem perdoar

E pouco a pouco o amor regressou
Como lume queimou
Essas bocas febris
Foi um amor que voltou
E a desgraça trocou
Para ser mais feliz
Foi uma luz renascida
Um sonho, uma vida
De novo a surgir
Foi um amor que voltou
Que voltou a sorrir

Há gargalhadas no ar
E o sol a vibrar
Tem gritos de cor
Há alegria na viela
E em cada janela
Renasce uma flor
Veio o perdão e depois
Felizes os dois
Lá vão lado a lado
E digam lá se pode ou não
Falar-se o fado.

carla mar disse...

PARABÉNS XL :)

Palmas (muitas!).
(gosto da tua voz)

Para ti, um BEIJO... que vem do mar. Bravio e salgado ;)

carla

Je Vois la Vie en Vert disse...

Muitos parabéns, XL !

Com uma voz desta, expressiva, grave, tens de certeza uma excelente voz para cantar e podes juntar-te aos "baixos" (ver comentário da postagem anterior) do nosso coro !

Beijinhos da Verdinha

Anónimo disse...

PARABÉNS Amigalhaço XL
Um abração.
O.R.

O Bicho disse...

PARABENS! MUITOS!
Este vídeo é "porreiro" para suavizar SAUDADES.
Saudades que tenho de te VER E OUVIR em pessoa - gostava de um dia destes, poder estar contigo num jantar de amigos.
Será que o Quim, quer tratar de convocar o Pessoal..?

jrom disse...

Muitos parabéns, jovem da minha idade.
XL um de cada vez ,mas com muitos pela frente.
Um abraço e que nos vamos vendo por aí, porque do fado ninguém nos tira.

Parisiense disse...

Parabéns ao teu amigo, que tenha um dia muito feliz.
Beijokitas a ambos e bom fim de semana.

Maria disse...

Kim:
Por favor dá por mim os parabéns, pelo aniversário e, sobretudo pela interpretação fabulosa do "Fado Falado".
Talvez não seja o Villaret, mas emocionou-me mais. É uma maneira mais máscula de dizer. O XL é mesmo XL.
Obrigada Kim, por mais uns minutos de emoção. Vou ouvi-lo mais vezes.
Beijo

BLOGADOR disse...

Parabéns XL.

Anónimo disse...

PARABÉNS XL
Que belo o teu declamar

Um beijinho

Isabel

sendyourlove disse...

Parabéns não por mais um ano, mas pela vida toda!!!
Adoro as suas declamações!

Anónimo disse...

Muito obrigado a todas e a todos pelo vossos carinhos.

xl

Laura disse...

Caramba, eu bem olhava para a boca dele (ó senhor x large) é só para ler nos lábios e mai nada, sou surda que nem uma porta, agora já nem tanto; mas, falta uma aparadela ao bigodinho para entende rmelhor oc antar....

Li a letra, minha nossa, parece que a senntia na alma, mas que belissimo fado e que vos forte...voz cheia...Parabéns, ó Kim, xiça, podias dizer-me quando ele cantar por estes lados e eu possa ouvi-lo de perto...
Beijinho aos dois..laura..

Je Vois la Vie en Vert disse...

Caro amigo Kim,

Os meus sinceros parabéns pelo resultado do teu clube !!
Deves estar a festejar nesta altura em que estou a escrever o comentário ! Não vi o jogo mas suponho que mereceram o resultado !
Obrigada pelas tuas palavras carinhosas no meu blogue, obrigada por me teres "adoptada" !

Beijinhos encarnadinhos !

Je Vois la Vie en Vert disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kim disse...

Laura- Quando estiveres na plena posse das tuas faculdades auditivas, terás oportunidade de ouvir este maravilhoso artista. É UM ESPECTÁCULO!
Verdinha! Não estou a festejar nada. Primeiro, pelos incidentes, depois, porque não foi justo. Mas a vida é assim.

Osvaldo disse...

Caro Kim;
Também aproveito, e depois de ver e ouvir o Vidéo, desejar ao "nosso" amigo XL, um Feliz Aniversário, com muita saude e muita voz para continuar a cantar assim.

Quanto ao perderes o espetáculo da Verdinha, certamente terás novas oportunidades para assistires ao vivo as maravilhosas vozes do Vox Maris...

Um abraço
Osvaldo

Anónimo disse...

Feliz dia do Pai. Atrasado...
Como não saio da toca, nem sei a quantas ando.
E um abraço de parabéns ao Xico Lois.

Lois, Lois, Lois...(ask your body!)
B


PS:mando-te depois umas fotos da Patagónia

Kim disse...

Obrigado Bruno! Eu sei e entendo!
Dá uma corrida nas pampas por mim. Sei que esses Buenos Aires te trarão mais sabedoria.
Um dia aí irei.
Até lá,dont cry for me Argentina!
Um beijo para ti e para a Ana.

Laura disse...

Kim, não vi o jogo, os meus cá de casa são benfiquistas, pelo que a neide disse, o benfica ganhou de forma imprópria pois como eles bem disseram o árbitro foi safado, enfim. nem torço por nenhum, mas, ai está a prova, quem mais paga amigo é!... até tu disseste que não foi justo.
Argentina, e o filme todo cantado da madona cheio de legendas, adorava ver o filme, e ouvir as vozes e ver aquelas partes do tango em que ela dança com desconhecidos, que poder...Espera por mim Argentina!...a cidade maravilhosa...Buenos Aires..e sim, quando puder ouvir melhor, mas, ouvir já ouço e se ele cortar um pedaço do bigode, (ahhhh) melhor leio nos lábios dele...se ele me ouve, ainda me manda um raspanete..a letra é simplesmente maravilhosa...
Já estive a treinar a escrita do código da vinci, digo da verdinha, ah, pior que o código da vinci, ehhhhhh.
Beijinhos a ti.