10 de novembro de 2008

Os meus Desenhos Animados




Não pretendo voltar ao tempo das candeias, mas cada vez mais prefiro olhar o mundo com olhos de ingenuidade.
Não raras vezes saltito de canal em canal num zaping desenfreado de busca televisiva. A disponibilidade de escolha na montanha de opções de canais disponíveis, leva-nos a ter saudades do único canal existente, nos tempos em que grassavam os sonhos de menino.
Sempre que passo por um canal de desenhos animados, não tenho vontade alguma de lá me quedar. A violência que ali impera é por demais desconcertante. Os raios não sei quantos e as bombas não sei que mais, aniquilam bons e maus. Os heróis já não ganham sempre e a rapariga já casa com o vilão. Enfim, nada mais é como dantes.
Decididamente a violência não faz parte dos meus hábitos e defeitos.
Os desenhos animados do meu tempo, faziam-me sonhar e até adorava os constantes ataques do Silvestre ao Piu-Piu e do Tom ao Jerry. Acabava sempre bem e até, às vezes, com ataques de ternura.
Mister Magoo, Coelho Pernalonga e o Picapau não deixavam o crédito por mãos alheias
Era já um homem e ainda me deleitava com bonecada tão querida. Ainda hoje quando "par hasard" tropeço numa banda desenhada desse tempo, ali retenho o meu olhar e volto a ser menino.
Bip-bip, bip-bip, brrrooooummmm!

11 comentários:

Osvaldo disse...

Caro amigo Kim;
Excelente este teu post e para nós da década de 50, é um reabrir do livro dos "encantamentos"...
Descreves maravilhosamente bem um passado de inocência que não prescreveu, que não tem data limite, porque esses momentos são eternos, são actuais e quase temos vontade que o livro não se feche.
Não, não é "par hasard" que quando entro numa libraria, é sem vergonha que desfolho as BD's dos velhos autores do Zé Colmeia, Zé Carioca, Tio Patinhas & familia e tantos outros, que ao longo dos anos velaram pelos nossos sonhos de criança.
Um abraço

Anónimo disse...

Kim:
E o Popey, a Olivia Palito e o Brutos? Só com uma lata de espinafres, vencia tudo e todos. E o Silvestre e o Piu-Piu? E o Tom e Jerry?
E os filmes, Kim? A Lassi, A bela adormecida...
E os "violentos" filmes de cowboys? Não me faças chorar. Quando hoje, vejo os desenhos animados ou os filmes, para crianças, fico mais apavorada, do que se vir um filme de terror.
Lembrei-me agora, de uma canção do Chico, que começa assim:
"Então eu era o herói
e o meu cavalo só falava inglês.
A noiva do cowboy,
Era você e mais as outras três....."
Bons tempos, Kim. Tempos sem maldade e, com ternura.
Tempos em que eu, dormia com a boneca abraçada e, acordava feliz. Se agora, se me mandassem dormir, com a horrorosa da Barbi, de certeza morria de susto.
Antes as minhas monas de pasta ou de trapo.
Saudades, Kim, é tudo o que nos resta.
Maria2

Anónimo disse...

Forças Armadas Portuguesas
Guerra Colonial

Armas Ligeiras
Espingarda 8 mm Mauser m/937
Espingarda automática 7,62 mm G3 m/961
Espingarda automática 7,62 mm G3 m/963
Espingarda automática 7,62 mm FN m/962
Espingarda automática 7,62 mm Armalite AR-10
Espingarda automática 7,62 mm Kalashnikov AK-74 (capturadas)
Pistola-metralhadora 9 mm Steyr m/942
Pistola-metralhadora 9 mm FBP m/947
Pistola-metralhadora 9 mm FBP m/961
Pistola-metralhadora 9 mm Uzi m/961
Pistola-metralhadora 9 mm Vigneron m/961
Metralhadora pesada 8 mm Breda m/938
Metralhadora pesada 12,7 mm Browning m/955
Metralhadora ligeira 7,92 mm Madsen m/930-41
Metralhadora ligeira 7,92 mm Dreyse m/938
Metralhadora ligeira 7,92 mm Borsig m/944
Metralhadora ligeira 7,62 mm Browning m/952
Metralhadora ligeira 7,62 mm MG42 m/962
Metralhadora ligeira 7,62 mm HK21 m/968
Pistola 9 mm Luger m/943
Pistola 9 mm Walther m/961
Morteirete 60 mm FBP m/968
Morteiro Ligeiro 60 mm M2 m/952
Morteiro Médio 81 mm Brandt m/931
Morteiro pesado 107 mm M2 m/951
Morteiro Pesado 120 mm
Canhão sem recuo 57 mm m/52
Canhão sem recuo 75 mm m/52
Lança Granadas-Foguete 37 mm Sneb
Lança Granadas-Foguete 60 mm m/955
Lança Granadas-Foguete 89 mm m/952
Lança Granadas de Espingarda Energa m/953
Lança Granadas-Foguete RPG-2 (capturados)
Lança Granadas-Foguete RPG-7 (capturados)

[editar] Armas Pesadas
Obus de montanha 75 mm Óbice DA 75/18 m/40
Obus 105 mm Leichte Feldhaubitze 18R m/41/52
Obus 88 mm QF 25 Pdr Mk 2 m/43/46
Obus 114 mm QF 4,5 in Mk 2 m/46
Obus 140 mm BL 5,5 in Mk 2
Peça AA 40 mm Bofors m/42
Peça AA 40 mm Bofors m/42-B
Peça AA 20 mm CHK1 m/53

[editar] Viaturas
Auto TG 1/4 ton 4x4 Jeep m/44
Auto TG 3/4 ton 4x4 Dodge m/48 "Jipão"
Auto TG 2,5 ton 6x6 GMC m/52
Auto TG 5 ton 4x4 Berliet Tramagal
Auto TG 1,5 ton 4x4 Unimog
Auto TG 1/4 ton 4x4 Land Rover
Auto Blindado Bren Carrier m/42
Auto Blindado 4x4 Chaimite m/67
Auto Blindado 4x4 GM TT m/47 "Granadeiro"
Auto Blindado TP14 8x8 Panhard ETT m/59
Autometralhadora 8x8 Panhard EBR m/59
Auto Blindado Rec 4x4 Daimler Mk3 m/63B
Autometralhadora Lig 60 7,62 4x4 Panhard AML m/65
Autometralhadora 4x4 GMC Fox Can m/57
Carro de Combate ligeiro M5A1 Can m/56

Embarcações
Avisos da Classe Afonso de Albuquerque;
Avisos da Classe Gonçalo Velho;
Contratorpedeiros da Classe Vouga;
Fragatas da Classe Álvares Cabral;
Fragatas da Classe Diogo Gomes;
Fragatas da Classe João Belo;
Corvetas da Classe João Coutinho;
Corvetas da Classe Baptista de Andrade;
Navios-Patrulha da Classe Príncipe;
Navios-Patrulha da Classe Maio;
Navios-Patrulha da Classe Cacine;
Lanchas de Fiscalização Grandes (LFG) da Classe Argos;
Lanchas de Fiscalização Pequenas (LFP) da Classe Antares;
LFP da Classe Bellatriz;
LFP da Classe Júpiter;
LFP da Classe Alvor;
LFP da Classe D. Aleixo;
LFP da Classe Albatroz;
LFP da Classe Arcturus;
LFP várias: "Castor", "Algol" e "Sabre";
Lanchas de Desembarque Grandes (LDG) da Classe Alfange;
Lanchas de Desembarque Médias (LDM) das Classes LDM100/LDM200/LDM300/LDM400;
Lanchas de Desembarque Pequenas (LDP) das Classes LDP100/LDP200/LDP300;
Navios-Hidrográficos: "Pedro Nunes", "Almeida Carvalho" e "Almirante Lacerda";
Navio de Apoio Logístico: "S. Braz".

Aeronaves
Com datas das primeiras aquisições:

DC-3 Dakota (1944)
T-6 Harvard (1947)
DC-4 Skymaster (1947)
F-84G Thunderjet (1953)
T-33 (1953)
PV-2 Harpoon (1954)
SA 3130 Alouette II (1957)
F-86 Sabre (1958)
Nord-Atlas 2501 (1960)
Douglas DC-6 (1961)
Dornier 27 (1961)
Broussard (1961)
Auster D.5/160 (1961)
Alouette III (1963)
C-45 Expeditor (1963)
Invader B-26 (1966)
Fiat G-91 (1966)
SA-330 Puma (1969)
Boeing 707 (1970)
Piper PA-32-300 Cherokee Six (1972)
Obtido em "http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_equipamento_militar_utilizado_na_Guerra_do_Ultramar"
Guerra Colonial Portuguesa

BV

jrom disse...

Por muito que me esforce,não me lembro destas personagens acima descritas terem pertencido a quaisquer desenho animado da altura.
Ha! já sei falta nesta lista a potente arma "Manelica"o terror de Africa.
Meus amigos e amigas esse terrivel boneco "Hulk" que joga no FCP é que devia ser retirado do mercado viram aquela violência, as crianças e adultos do Sporting ficaram cheios de traumas.

Anónimo disse...

ih ih ih ih ih ih ih.
o.r.

Verdinha disse...

Depois do Tintin e do Bob et Bobette (as duas puras BD belgas), nunca mais nenhuma BD me atraíu.

Beijinhos verdinhos

Anónimo disse...

Os desenhos animados marcam a gente.
Histórias de encantar que me fizeram chorar, sonhar e cantar.
O pequeno Viking, O Marco, a Heidi, abelha Maia e Tom Sawyer.
Ás vezes é tão bom recordar...

Isabel

Verdinha disse...

SEMANA BELGA : para quem apreciar BANDA DESENHADA, entre outras coisas.
CONSULTEM O MEU BLOG.

Bejinhos verdinhos

BLOGADOR disse...

Eu ainda apanhei essa banda desenhada até ao 25 de Abril (8 anos) com a qual me deleitava. Depois desta data só passavam desenhos animados dos países do Leste da Europa. A estes bonecos, nós da minha geração, apelidámos de: "Koniecs", que era o que aparecia no fim dos filmes (Koniec em polaco = Fim). Eram cá uma seca. E eu que gramava à brava do Speedy Gonzalez - "Arriba, Arriba, André, André".

Vieira Calado disse...

Os bonecos animados e as revistas para putos do meu tempo:
O Mundo de Aventuras, O Mosquito, O Cavaleiro Andante...

Hoje, não percebo nada tampouco dos desenhos...

Um abraço.

Vieira Calado disse...

Respondendo:

Touro, também é a minha!

Um abraço