12 de agosto de 2010

A importância do ZERO!

Uma mulher, executiva de uma grande empresa do Porto, (não faz mal ser do Porto, pois não?)faz a sua primeira viagem de negócios para Amsterdão.
À noite, sentiu-se sozinha e com uma sensação de liberdade que nunca havia sentido antes.
Decidiu chamar uma dessas "empresas de acompanhantes", cujos folders de propaganda estão nas mesas dos quartos de todos os hotéis nas grandes cidades.
Localizou, sem dificuldade, um que oferecia serviço masculino, denominado "ferótico".
Com o encarte nas mãos molhadas de suor pela expectativa discou o número marcado.
- Alô! atendeu uma voz masculina marcadamente sensual.
- Alô. Eu preciso de uma massagem... Não, espera! Na realidade o que eu quero é SEXO! Uma grande e duradoura sessão de sexo, mas tem de ser agora!
Quero que dure a noite inteira! Estou disposta a fazer de tudo, participar de todas as fantasias que vocês inventarem.
Traga tudo o que tiver de acessórios, algemas, chicotes, dildos, pomadas, vibradores, e quero ficar a noite inteira fazendo de tudo! Vamos começar passando geleia no corpo um do outro, depois quero que você me encoste à parede e … alinho em tudo. As posições podem ser, frango assado, rã com cãibra, canguru perneta, vaca atolada, saquinho de chá, helicóptero … enfim, tudo! Ou tem alguma ideia mais pornográfica? O que acha?!

- Bem, na verdade tudo isso me parece fantástico, mas aqui é da portaria do hotel...
para chamadas externas a senhora precisa marcar o número zero primeiro !!!...

11 comentários:

Teté disse...

Anedotas dessas com homens deve de haver mais que muitas, mas não sei porquê (ou, pelo menos, só imagino) com mulheres totós resultam melhor...

Beijocas, Kim, e continuação de boas férias!

MEUS PENSAMENTOS disse...

meu pai !!! rs muito boa! um abraço!

Zé do Cão disse...

Quim

Atira cá para fora uma das tuas aventuras passada durante uma ds tuas viagens.
Tens coragem? olha que eu já contei muitas...

abraço

Kim disse...

De facto estas anedotas resultam melhor com mulheres, talvez porque, por hábito, são os homens a fazer figuras tristes.
São anedotas, mas também os Meus Pensamentos

Oh Zé, as minhas aventuras já foram quase todas contadas. Restam apenas as que não se podem divulgar sob pena de ferir susceptibilidades. Além disso muitas das minhas aventuras aqui não contadas, se o fossem pareceriam uma mentira monstruosa. Como já não tenho pachorra para que me digam que estou a inventar, vale mais ficarem apenas na minha memória e na de muitos amigos meus que as conhecem.
No entanto, pode ser que um dia destes aqui repita algumas delas já publicadas nos primeiros posts, quando ainda nenhum de vocês eras meu amigo/a.
O mês de Agosto vai ser assim, com anedotas e coisas brejeiras.
Grande abraço e beijo para todos

xico luis disse...

Conta, conta, conta, conta, cooooontaaaaaaaaa.
Abraço fresquinho e não te es quecas de marcar o zero.

XL

Laura disse...

Ahhh, homem conta anedota de mulher, e vice versa, sendo anedotas...é mais para rir.

Bom, a muié da anedota só pecou pela pressa excessiva..nem deu tempo de fazer a ligação...

Mas como diz o Zézito, conta conta, bota pra cá o que ainda não sei...e nem todos te acompanhamos desde os começos do blogue...

era uma vez, o Kim era rapaz e namorava com uma nina lá para os lados da Amadora... (da Amadora deviam ser todas, já que moraste sempre por lá ou não foi?)continua!... podes inventar umas coisitas, a gente só quer é rir...

Aquele abraço da dolce. laura

JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

Que bom mandar umas gargalhadas logo de manhã ! ;))LOL
A tal executiva devia estar encarnada que nem um tomate, ou um benfiquista, quando foi entregar a chave e pagar a estadia...eh eh eh ;)) LOL
Também gostei muito do título !
O ZERO tem muito importância, nos cheque então....e quando é um ZERO à esquerda como andam por aí...;)) LOL
Fiquei intrigada pelas posições...que não devem fazer parte do kamasutra. Será doutro livro que não conheço ?
Entre nós, já que ninguém me lê, nunca tive a coragem de ler este livro até ao fim, era ginástica demais por uma preguiçosa como eu...;)) LOL
Ainda tentei experimentar a posição estar pendurada no candeeiro mas foi antes da minha dieta e o candeeiro caiu comigo...;)) LOL

Hoje estou muito bem disposta ;)) LOL :
há 1/4 de século nascia o meu filho...

Beijinhos, amigo Kim

Verdinha

Kim disse...

Verdinha
Cada vez me surpreendo mais comigo. Eu também não conhecia estas posições ignoradas pelo Kamasutra. Sou mesmo um nabo. Só conhecia uma posição e já nem me lembro qual era.
A Net é fantástica e as coisas que a gente aprende não têm limite.
Parabéns à mamã, ao Leo e ao Nuno pelo quarto de século que comemora.
Um beijinho para ti

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ainda há quem diga que o ZERO não vale nada...

Laura disse...

Verdinhaaaaaaaaaa...então o meu k'amasust(r)a, não te lembras? ai ai ai, ia em partitura musical..não aprendeste nada? viste? és mais um zero à esquerda!...

Bem me ri com o que escreveste, não tens nada de loura, lá isso não...

Beijinhos da laura e mais aquele abraço apertadinho para a minha amiga Belga. (também adoro as tuas bolachas...vai começando...)

ematejoca disse...

Essa mulher faminta, que não era portuense, além de não saber fazer uma chamada para fora do hotel, estava também mal informada, esses acompanhantes estão proíbidos de fazer sexo com as clientes.

Saudação de Düsseldorf