22 de julho de 2010

Parabéns mãe!

Mãe!

A ti que gostavas de fazer anos, aqui deixo os segredos que sempre te murmurei.

Mói-me a saudade da tua presença. Corrói-me o tempo que não te dei. Dói-me a ruga enorme que me deixaste no coração.
Sei que fui sempre o teu menino e indulto-te pela preferência que tinhas por mim em detrimento das minhas irmãs. Dizias que amavas os filhos por igual, mas eu sentia-te de modo diferente e só o maior dos cegos o não veria. Os teus pequenos gestos que pareciam não ter relevância eram afinal do tamanho que só o amor de mãe lhes consegue dar. Sem preço, sem condições, sem nada em troca.
Não consigo não falar contigo e ontem, num dos momentos lúcidos do pai, falámos muito de ti e voltei a lembrar a dimensão que tiveste nas nossas vidas. Tinhas razão quando pressagiavas a tua partida breve, sem nada o fazer prever e faltou-me a noite para te dizer adeus.
Ficaste a força que eu preciso, o sonho que eu sonhei!
Ficaste o pó que eu serei um dia, e choro-te porque me alivias a alma.
Mãe - como é bom falar de ti!

19 comentários:

Parisiense disse...

Bela e emocionte homenagem á mulher que te deu a vida e fez de ti o Homem que hoje és.

Parabens a ela e ao amigo que ele nos deu.

Bisous mon ange

Maria disse...

Kim
Eu já sabia que irias falar da tua Mãe. Se vires o meu post de hoje, verás que falo em ti.
Que lindo modo de lhe dizeres que a amas! Ela sabe, Kim. As Mães sabem tudo.
Um beijo grande, maior que de costume.
Petite Marie

sendyourlove disse...

um beijo!!!!

Laura disse...

A Mãe está sempre por perto, e nas horas saudosas quer ouvir o seu Kim a murmurar palavras de amor como o fizeste agora. Mãe, nem todos tivemos uma mãe a preceito, outros tiveram-na e nem ligaram, mas tu, acredito que lhe deste sempre o merecido valor porque ainda o dás hoje...
Um beijinho envolvendo ambos no mesmo abraço, porque para ti e para mim, a vida continua para lá da vida...Digam lá o que disserem os outros, temos a nossa esperança!
laura

jrom disse...

Um abraço, kim

Zé do Cão disse...

Kim

LINDO


um abraço

Laura disse...

Esqueci de dizer que; és parecido com ela, na ternura do olhar, na serenidade que aparentam os dois!...
Beijinho da dolce.

Osvaldo disse...

Kim;

Acho que nenhuma palavra fará uma frase para comentar tão bela homenagem.

Um grande abraço, Kim.

Ana e Osvaldo

Mariazita disse...

Olá, Kim
Adorei a bela homenagem que aqui prestas à senhora tua Mãe.
Também já não tenho a minha neste plano em que nos encontramos, mas não passa um dia em que eu não me lembre dela.
Mãe... é assim mesmo!

Beijinhos

Anónimo disse...

Seve disse...

Estamos a vê-la, ao fim da tarde, depois de termos jogado à bola de sargeta a sargeta....e o olhar doce da minha e da tua mãe com aqueles sorrisos cúmplices....

JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

A homenagem que fizeste à tua mãe emocionou-me muito, não só pelas palavras de ternura de um filho mas também porque pensei na minha que ainda está viva.
Onde a tua mãe está, está a sorrir para ti.
Beijinhos para ti, amigo Kim.
Verdinha

P.S. Estou ainda de férias mas não queria deixar de te dar um beijinho amigo sentindo toda a saudade que tens da tua mãe nas tuas palavras.

Anónimo disse...

Mãe!!

Um beijinho Mestre

Isabel

Laura disse...

Seve; que giro, agora entendo a amizade de tão longe, já!
Acredito que o olhar das vossas mães era de gozo ao ver os putos todos rotos, suados de jogar à bola, ah, sei como é... Beijinho aos dois, laura

RS disse...

Abraço Kim.

Teté disse...

Há sempre algo que fica por dizer, quando aqueles que amamos partem inesperadamente e cedo demais...

Mas enquanto os recordamos, eles continuam vivos! Sempre...

Beijinhos, amigo Kim!

mariabesuga disse...

Deixo um abraço forte e um beijo meu...

Ainda tenho mãe mas não o meu pai a quem poderia dizer mais ou menos estas palavras tuas...

Onde quer que esteja a tua mãe sorriu de mimo...

Eu deixo-te um sorriso de ternura que é o que me aconteceu neste momento. Um sorriso de ternura...

Beijinho
Maribel

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Kimamigo

Estou contigo. E creio que basta que te diga isto, porque entendo o que escreveste e que é ternura vertida na blogosfera.

Oxalá o Senhor teu Pai siga em fente, que melhore dentro do possível e que tu o vejas sempre. Como vês a Senhora tua Mãe.

Abs

carla mar disse...

... beijo...


C.

Mariazita disse...

Olá, Kim
Passando para desejar um resto de bom domingo - já que não há nada de novo a comentar...

Beijinhos