24 de janeiro de 2010

O peso das culturas!


Homenagem aos meus amigos alentejanos, que sei também terem preferências muçulmanas.

Um muçulmano durante o período do Ramadão senta-se junto a um alentejano no voo Lisboa - Funchal. Quando o avião descola começam a servir as bebidas aos passageiros.

O alentejano pede um tinto de Borba. A hospedeira pergunta ao muçulmano se quer beber alguma coisa.

Responde o muçulmano com ar ofendido: 'Prefiro ser raptado e violado selvaticamente por uma dezena de prostitutas da Babilónia antes que uma gota de álcool toque os meus lábios'.

O alentejano engasgando-se, devolve o copo de tinto à hospedeira e diz:
- Eu também, eu também! Não sabia que se podia escolher!!!

16 comentários:

Maria disse...

Kim
Só a tua história me faria rir "Hoje".
Obrigada e beijinhos
Petite

Je Vois la Vie en Vert disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Je Vois la Vie en Vert disse...

Que bom começar a semana com uma história divertida !

E a calma e o ar sério que as hospedeiras da TAP devem guardar ?

Beijinhos

Verdinha

p.S. desculpa por ter apagado o comentário anterior, foi para corrigir um erro de português que descobri. Se calhar, há outros....

Laura disse...

primeiro; Alentejanos Muçulmanos lado a lado? duvido

Olha ele, os muçulmanos quando muito não bebem, só cházinho de maçã e canela...fazem de conta, isso porque não conhecem a carolinha do Moa e do Osvaldo!

Tás a ver o Alentejano? já preferia ser violado selváticamente por uma dezena de prostitutas da Babilónia (devia pensar que eram lá dos lados do Alentejo!) biste, nãos abia que podia escolher, ai os Alentejanis!..

Xi, sem ofensa à nina Ell, é Alentejana, mas, das boas, ora pois. Beijinhos, laura

Andre Moa disse...

Eu gosto muito do tinto,
mas venham as da Babilónia,
para ver como me sinto
em tão fecundante insónia.

Grande abraço.
André Moa

Parisiense disse...

Conheço muitos que se pudessem escolher também seriam alentejanos....ahahahhaah

Haja boa disposição que é o que é preciso neste momento.

Beijoktas

silvi disse...

Cada um é como cada qual ,ha que escolher o tinto que escorregar melhor, seja ele alentejano, ou do Douro, mas Kim adorei o post, bjs silvi.

francisco disse...

“Os autarcas eleitos e os nomeados da Câmara Municipal de Vidigueira decidiram ontem, numa medida inédita em Portugal, reduzir em 10% os seus salários, como forma de contribuir para o aumento do vencimento dos funcionários que auferem o Salário Mínimo Nacional. Ontem a autarquia tinha tornado pública, outra decisão sem precedentes na vida autárquica, ao aumentar as subvenções de 40 trabalhadores, que tinham de ordenado base 450 euros, passando os mesmos a receber 532 euros.
O autarca da Vidigueira, também vogal do Conselho Directivo da Associação de Municípios do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral (AMBAAL), defende que a classe política “deve ser aquela que se posiciona melhor para dar o exemplo”, lançando Manuel Narra o desafio para que “os outros autarcas e os políticos para seguirem o exemplo”, dos homens e mulheres da vila alentejana.”

FR

Zé do Cão disse...

kim que se passa com o teu mail.
não consigo enviar

Anónimo disse...

Nem mais, para um fim de dia de trabalho ler umas anedotas, e rir um pouco faz bem á saúde, dai pensei que uma só é pouco, por isso aí vai mais...

1-Três homens, um Inglês, um francês e um alentejano, foram a um concurso de tiro ao alvo. Estava um homem com uma maça na cabeça.
Vai o inglês, faz pontaria, acerta na maça e diz:
- I`m Robbin Hood!
Vai o francês, faz pontaria acerta na maça e diz:
- I´m Guilherme Tell!
Vai o alentejano, faz pontaria, acerta na cabeça do homem e diz:
- I`m Sorry...

2- Num comboio vão duas respeitáveis meninas francesas com os seus respectivos chapéus, quando dois alentejanos se sentam no banco da frente. Como a janela ia aberta, uma brisa faz cair o chapéu de uma francesa e a outra apanha-o e devolve-o á dona dizendo esta:
- Mercy beaucoup.
ao que a outra responde:
- Nas pas de quois.
Um dos alentejanos para demonstrar que também falavam francês, disfarçadamente atira a boina para o chão, o outro apanha-a e entrega-a ao dono dizendo este:
- Mete no cú.
Ao que o outro responde:
- Não cabe cá.

Já contribuí para a terapia do riso, isto para quem achar piada, claro!.
De todas as anedotas que até hoje houvi, a que me provocou mais riso foi a seguinte:

- Dois amendoins atravessavam uma estrada, um deles foi atropelado, e o outro descascou-se a rir.

Pois podem acreditar que tive um ataque de riso com choro e tudo.
Porquê? Não sei! Mas soube muito bem.
L&L

Laura disse...

Ahhhh, gostei mais da do Alentejano e da boina, enfim...
Mas rir tanto, caramba, faz bem e temos dias em que se torna necessário rir, rir para não chorar, rir para não desanimar e esquecer as partidas da vida. Obrigada L&L, soube bem ler-te..abraço apertadinho, daqueles desganar...laura

RS disse...

E dizem que os melhores contadores de anedotas sobre alentejanos, são os próprios alentejanos.

Anónimo disse...

Corrijo "ouvi".
L&L

Laura disse...

L&L, como era anedota, podia ser escrito assim!com h, mas, nem reparei, só agora.
ehhhhhh e essa dos amendoins tem o seu quê de rir mesmo, pois o pobre que foi atropelado ou outro descascou-se a rir? ora pois, realmente..Menina deves ter olho para anedotas, eu, nem por isso, não ligo mas gosto de as ouvir e nem todos sabem contá-las...
beijinho

mrom disse...

Os alentejanos são povo resistente, firme e puro.( Quisera que Portugal) fosse todo ele, de igual envergadura!A mulher alentejana, (cáia as casas de branco!(Nelas se reflete a pureza!
Gosto de todas as anedotas que me façam rir!

FR,COMO SEMPRE DIZ BEM!"POIS SABE BEM TUDO O QUE DIZ".
MROM

Bichodeconta disse...

Ai o que ri agora,só tu Kim para me por a rir á gargalhada a esta hora da manhã. Eu que sou Alentejana dos quatro custados, adoro anedota de Alentejano, aliás as melhores anedotas de Alentejano, caso não saibam são inventadas pelos próprios. De até o Moa já quer ir atrás do pecado deixando para trás o divino vinho de Borba.Vai Moa, mas tem cuidado que é para voltar..Nós precisamos aqui de ti .Beijinho, Ell