3 de junho de 2008

Hollyood em chamas



Ontem, os Estúdios da Universal Filmes, em Los Angeles, foram parcialmente consumidos pelo fogo.
A fábrica de sonhos de Hollyood parou a produção e deixou de mostrar ao mundo o irreal da vida.
Faz já uma década que lá estive e como qualquer visitante ávido de glória breve, visitei a meca do cinema. Toquei então, tudo o que os meus sonhos de menino mais quiseram.
Numa cidade onde existem trinta e três auto-estradas e a sua maior avenida tem duzentos quilómetros de comprimento, ficou-me a recordação, da mudança que sofreu a minha silhueta e também a do Bruno, meu companheiro de estrada, nas sete partidas do mundo.


8 comentários:

Gata Verde disse...

Que notícia triste...

beijos

BLOGADOR disse...

200 Kms de Avenida. É a mesma distância que percorria em miúdo para ir à terra dos meus pais.
Tenho de ir à América!

Rita Loureiro disse...

KIM:Os Estúdios da Universal Filmes, estão em chamas :(,e os "ÁS vezes", por vezes também,:(, temos que pôr água de alegria em todo lado......

Beijinhos para todos

Rita

Kim disse...

É verdade Gatinha, mas aqui para nós há coisas bem piores e que jà nem falamos delas.
Pois é Rita, as chamas estão por todo o lado e nem sempre é fácil apagá-las.

Anónimo disse...

Os fogos, às vezes não controlamos....
Remexer as cinzas, é o mais doloroso...
Tantos fogos nas nossas vidas...
bjinhos
bela

Pé Descalço. disse...

Já todos ouvimos falar em "Renascer das Cinzas".
Das duas uma: Ou se "apaga", ou "reanima-se".
Também o ser humano assim o é.
Estejam vivos!
Até já,amigo.

Anónimo disse...

Trinta e três auto-estradas....eh pá, que grande país.........será que o Cavaco andou por alí?

Seve

Anónimo disse...

Oh Kim, (embora saiba que não fosse essa a tua intenção) olha que nós Portugueses já não somos parolos..já lá vai o tempo em que ficaríamos de boca aberta quando nos falassem em 33 auto-estradas, hoje já começaremos a pensar se será sinónimo de evolução ou de destruição...........
Já viste que há sítios em Lisboa que já não consegues andar a pé em determinadas ruas? lembras-te quando putos atravessávamos Sete-Rios, atravessa lá agora, será isto evolução ou destruição do ser-humano....há que pensar, isto não é qualidade de vida, meus amigos, mas é o dinheiro, o vil metal, os interesses económicos que nos hão-de encafuar num buraco que nem Sete-Rios nem nenhuma rua poderemos atravessar.....

Não matem os sonhos!

Seve