25 de junho de 2008

Aline


Para desanuviar!
Aos mais velhos vai recordar momentos bonitos. Aos mais novos, vai passar ao lado. Fica a recordação dum canção simples que embalou muitos abraços, beijos e carícias tantas.
Aqui - alone - lembrei-me de Aline!

12 comentários:

Rita Loureiro disse...

KIM: já reparei que está a melhorar...BOA!!!!!!!

obg pela msg..beijinhos

da sua amiga virtual rita

P.S:"As estrelas hoje estão sorridentes, amanhã estão contentes, e quando melhorar estão muito felizes"

carla mar disse...

devia ser proíbido colocarem estes monstros cantantes no youtube!
estou aterrorizada. vou dormir de luz acesa!
o senhor tem um olhar estranho.
plástica reconstrutiva ocular recomenda-se.

XI-CORAÇÃO :)

Pé Descalço. disse...

Ei,pá!Renasceu o nosso kim.
Esta musica punha-me doido com as chavalhas,só que com o piroso Art Sullivan.
Mania que tu tens de nos atormentar com estas nostalgias!
Parece que vou ter que te algemar.
Só nos lembras coisas boas.
Isso não se faz!
Aquele abraço.

Anónimo disse...

Enfim, voltamos às velhas canções, o que quer dizer que, as melhoras do Kim se acentuam. Ainda bem que assim é.
Continua a dar-nos música, Kim. Sabe tão bem!
Maria2

Parisiense disse...

Eu a mais ao menos 1 ou 2 meses pus justamente esta musica no meu cantinho, porque me traz lindas recordações.....muito dancei agarradinha ao som desta musica...ahahhahahah

Já estou a ver que a nostalgia voltou e com ela um lindo sorriso.

Beijokitas e as melhores amiguinho.

Anónimo disse...

GRANDES bailaricos no alto da Venda Nova!:) 3-namoradas-3 !
Lourdinhas, Fernanda e Leonor (com quem haveria de casar).
Não eram grandes tempos. Nem belos tempos.
Eram outros tempos.
Achei piada re-ouvir "Aline" e até dancei, imagina.
abraço e até amanhã (já fora daí, espero)
jc/.

Anónimo disse...

olá, querido amigo, KIM:

não gosto desta música.
achei piada, contudo, ter sido um sucesso no verão de 1965... ainda eu não tinha nascido!
fica, aqui, um miminho para ti e para o PEDRO.

J’avais dessiné sur le sable
Son doux visage qui me souriait
Puis il a plu sur cette plage
Dans cet orage, elle a disparu

Et j’ai crié, crié, Aline, pour qu’elle revienne
Et j’ai pleuré, pleuré, oh! j’avais trop de peine

Je me suis assis près de son âme
Mais la belle dame s’était enfuie
Je l’ai cherchée sans plus y croire
Et sans un espoir, pour me guider

Et j’ai crié, crié, Aline, pour qu’elle revienne
Et j’ai pleuré, pleuré, oh! j’avais trop de peine

Je n’ai gardé que ce doux visage
Comme une épave sur le sable mouillé

Et j’ai crié, crié, Aline, pour qu’elle revienne
Et j’ai pleuré, pleuré, oh! j’avais trop de peine

Et j’ai crié, crié, Aline, pour qu’elle revienne
Et j’ai pleuré, pleuré, oh! j’avais trop de peine…

BEIJOS para ti PEDRO e um beijinho para o meu amigo escavacado.

INÊS

Cristina disse...

Olà, kim
Que lembraça....
Bisous.

Anónimo disse...

Recordar é viver, estamos no bom caminho...
Devolução de mimos, eheheheh
beijinhos
bela

claudio disse...

queria deixar aqui um grande abraço e as tuas melhoras meu amigo..

ass. Cláudio Estribeiro

Anónimo disse...

Estou sabendo que o mestre Kim, já vai para casa. Que bom, assim vais ter mais tempo para curtir as boas musicas e recordações para escrever neste maravilhoso blog.


Spuk

NINA disse...

Obrigado pelas recordações, de momentos bonitos que a memória me está a mostrar,emoções fortes, ao ouvir esta canção sinples.
Energias boas para quem se dá aos outros, beijos e as melhoras.